Destaques do ano

Equilibristas Anteriores

Equilibrista 2019 – Elem Regina Serafim Martins – Unimed Campinas

Receber o prêmio Equilibrista 2019, o “Oscar” do executivo de finanças, sem dúvida nenhuma é o reconhecimento pelo meu trabalho ao longo da minha carreira e no ano em que fui premiada.
É um sentimento de orgulho revestido de muita humildade em saber que em nossa região existem tantos profissionais de finanças de excelente qualidade, que se destacam em suas empresas, tantos que já receberam esse prêmio antes de mim. Me sinto grata e honrada por ter sido escolhida dentre todos esses profissionais.

 

Equilibrista 2018 – Ricardo Hideki Eguchi – KION Group

“Este prêmio é desejado por todo executivo de finanças, é o reconhecimento pelo meu trabalho e da minha equipe. Agradeço a meus pais pelos valores que sempre me passaram e pela educação que me proporcionaram. Ao meu avô, imigrante, que sempre me ensinou a perseverar. “Gambare!” Em japonês significa: se esforce, dê o seu melhor! Ao meu “pequeno samurai” Lucas, que nem sempre entende a minha jornada de trabalho, compromissos e viagens profissionais e cobra minha presença em casa. A minha esposa Denise, há 16 anos ao meu lado, nos bons momentos e nos de superação, que cuida de mim e da nossa família, me dando o apoio para que eu faça o meu melhor. O troféu Equilibrista 2018 reafirma o desejo e esforço, meu e da KION Group, em enfrentar e crescer na adversidade. E reforça nosso compromisso com nossos colaboradores e parceiros”.

 

 

Equilibrista 2017 – Viviane Derrite Dias – CCL Industries do Brasil S/A

Viviane é a tradução plena do conceito de mulher multi-tarefa. Esposa, mãe de dois filhos e atual Diretora Financeira das multinacionais CCL Industries, Checkpoint e Innovia, entra para a história do IBEF Campinas como sendo a primeira mulher a conquistar o Troféu Equilibrista. Exemplo de competência em tudo que faz, Viviane passa, com a distinção concedida pelos associados do IBEF, a também ser reconhecida como a mulher que ratifica o poder feminino dentro de um setor que até pouco tempo era dominado exclusivamente por homens. Sua indicação, entretanto, não se deve a uma questão de gênero, mas baseia-se nos mesmos critérios que foram utilizados para premiar os mais de 30 executivos – homens – que já foram escolhidos como Equilibristas. A executiva é responsável pelas áreas de Gestão Administrativa-Financeira, Fiscal e Contábil de todas as empresas do grupo no Brasil e pela estruturação e operacionalização das aquisições, incorporações de novas empresas e abertura de filiais. Antes de assumir a atual posição, exerceu no mesmo grupo, o cargo de Gerente de Compras e Comércio Exterior de 2005 a 2013. Também foi Coordenadora Financeira da empresa Prodesmaq Indústria Gráfica Ltda, de 1998 a 2005. Na Fundação Getúlio Vargas obteve diploma Master of Business Administration (MBA), na área de Gestão Financeira e Controladoria. É bacharel em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas. Vale destacar que a CCL Industries é líder global na produção de rótulos, etiquetas e embalagens e que a operação do Brasil, tem um dos melhores desempenhos entre as unidades de negócios da Companhia distribuídas pelo mundo.

 

Equilibrista 2016 – Gustavo Bicudo E Ceccato – 3M do Brasil

Gustavo Ceccato_3M_out 2016 (16)“Estou muito honrado com a escolha. “O Equilibrista” contribui para aglutinar de modo permanente os profissionais da área em torno do esforço de representar não só os interesses da categoria, mas também os interesses pelo bem do País. O prêmio tem um significado especial em minha carreira especialmente por ter sido concedido por colegas executivos que, em suas empresas e negócios, valentemente enfrentam um cenário de grandes desafios, sejam pela conjuntura recente da nossa economia mas também pelas características históricas que o País nos impõe. Mais do que nunca o Brasil precisa, nessa fase de sua história, do nosso contínuo trabalho árduo e do comportamento ético que reforce as condutas morais do mundo corporativo e que sirva de exemplo para a nossa sociedade e suas futuras gerações. Isso não significa que não enfrentaremos problemas em nossas jornadas, mas que sim em momentos de decisões, tomaremos as corretas. Cada um de nós tem a chance diária de exercer este papel, papel este que estimule a ética na conduta dos negócios, que reforce o respeito às leis e que contribua decisivamente para construirmos um país mais íntegro e transparente.”

 

Equilibrista 2015 – Airton Luiz Rohde – John Deere

sr-airton-luis-01“Estou honrado em ser agraciado com o troféu “Equilibrista”, premiação mais tradicional do setor de finanças e, principalmente, por saber que fui escolhido por meus colegas executivos do IBEF. Neste agradecimento quero dedicar um espaço especial para a minha família por todo apoio e suporte, em particular para a minha esposa Lidia Maria Teixeira Rohde. Também não posso deixar de agradecer aos colegas da John Deere, lugar onde comecei e continuo construindo minha carreira. Este prêmio vem reforçar nosso compromisso com nossos funcionários, e parceiros concessionários e distribuidores, e é uma demonstração da nossa contínua excelência para que os clientes estejam extremamente satisfeitos. Deixo aqui meu muito obrigado pela confiança depositada em mim”.

 

Equilibrista 2014 – Darcio Moraes Filhos – PPG

Dárcio de Moraes Filho“É uma honra ser um dos mais jovens ganhadores do prêmio Equilibrista. É uma alegria receber esse reconhecimento pelo exercício da minha profissão, de forma competente e digna, e fazer parte da elite de finanças do nosso País. A dedicação e o trabalho de equipe que fizemos na PPG foi coroado com o Troféu Equilibrista 2014. Dedico esse troféu tão honroso à minha querida esposa Graziella que me acompanha há 22 anos, e que me deu todo o suporte do possível ao impossível, pela sua paciência e tolerância nos momentos difíceis e por aceitar as mudanças de cidades e países, de forma leve e divertida; aos meus filhos Bernardo e Gabriel por entenderem que muitas vezes chego tarde ou viajo, estando ausente em momentos importantes de suas vidas; e também aos meus pais que ajudaram na minha formação.”

 

 

Equilibrista 2013 – Renê Augusto Marzagão – Eaton

“O Troféu Equilibrista é o sonho de todo executivo financeiro. Desde o momento em que comecei a estudar contabilidade, sonhar que um dia eu seria agraciado com o Equilibrista sem dúvida era algo que eu imaginava, mas não pensei receber tão cedo. É uma honra muito grande porque quando você é escolhido por colegas de profissão, que é o caso do Equilibrista, é uma honra muito maior ainda porque eles sabem exatamente aonde o nosso calo aperta no dia a dia. O nome não podia ser mais apropriado, porque hoje em dia lidar com a economia, é mesmo um desafio digno de um equilibrista. É um marco para a minha carreira pela reputação que o IBEF tem em São Paulo e fora de São Paulo.”

 

 

Equilibrista 2012 – Roberto Nicolau Guidi – Química Amparo/Ypê

“Me senti muito honrado com essa distinção de um instituto tão conceituado que é o IBEF Campinas. O troféu ocupa um lugar de destaque em minha casa. É algo que sempre guardarei com orgulho. A premiação foi extremamente importante para minha carreira profissional e pessoal. Representa um reconhecimento público por uma carreira de trabalho, honestidade ética e respeito, que são prerrogativas do Instituto para essa premiação.”

 

 

 

Equilibrista 2011 – Fernando Cunha de Figueiredo Torres – AGV

“A premiação foi importante para a minha carreira profissional, não somente pela visibilidade, mas principalmente pela confirmação de que se está tomando o caminho certo. Trabalhar com seriedade e buscar continuadamente a excelência é uma escolha certa, e esta premiação é uma clara indicação do quanto se está atingindo essa meta. É uma renovação de forças para seguir na carreira. Receber a premiação foi uma grande honra e significa uma grande responsabilidade.”

 

 

 

Equilibrista 2010 – Moacir Teixeira Dias – Grupo RAC

“Receber o Troféu Equilibrista é muito importante e representa o reconhecimento pelos enfrentamentos dos desafios que a área financeira nos apresenta no dia a dia, mais gratificante ainda pois vem da votação de profissionais muito bem qualificados os quais nos elegem para representá-los no recebimento do troféu. Receber o troféu foi uma grata surpresa e, naquele momento, senti uma grande responsabilidade, além de gratidão, respeito e admiração dos amigos e profissionais que prestigiaram a cerimônia de entrega.”

 

 

 

Equilibrista 2009 – Rodrigo Bortolini Rezende – Fertilizantes Heringer

“Fiquei muito honrado e feliz em receber essa premiação, concedida por uma instituição de altíssima credibilidade como o IBEF Campinas. Gostaria de estendê-la a toda a equipe da Heringer”, afirmou Rezende, quando de sua premiação. No terceiro trimestre do ano em que Rezende foi premiado, a Heringer registrou um lucro líquido de R$ 94,7 milhões nos nove primeiros meses de 2009, um crescimento de 283,4% em relação ao mesmo período do ano anterior, o que pesou muito para sua escolha com o Equilibrista de 2009.

 

 

 

Equilibrista 2008 – Rinaldo Pecchio Junior – Tetra Pak

“O Troféu Equilibrista é um reconhecimento muito valorizado na comunidade financeira. Recebê-lo foi um orgulho muito grande. No começo da carreira, eu já o encarava como sendo um passo muito importante e quando o ganhei, foi muito bom. O prêmio garante visibilidade para o ganhador, pois ele tem grande reconhecimento na comunidade financeira que sempre aguarda com ansiedade o nome de quem o ganhará. Espero que o IBEF Campinas e os patrocinadores do prêmio continuem a promovê-lo, pois o Equilibrista já é um marco na comunidade financeira.”

 

 

 

Equilibrista 2007 – Antonio Wellington da Costa Lopes – EPTV Campinas 

“Fui escolhido para receber o Troféu em 2007 e até hoje me sinto muito emocionado. Foi a oportunidade de relembrar os passos ou degraus conquistados em minha carreira profissional e as pessoas (parentes e colaboradores) que foram exemplos e modelos de inspiração. A premiação foi e continua sendo muito importante em minha vida pessoal e profissional, funcionando como um motor contínuo de motivação, principalmente para a preparar a próximas gerações que assumirão cargos de comando aqui na empresa.”

 

 

 

Equilibrista 2006 – José Antonio de Almeida Filippo – CPFL Energia

“Para mim, ter recebido o  Premio Equilibrista em 2006, quando era Vice-Presidente Financeiro da CPFL Energia SA, representou motivo de muito orgulho pelo reconhecimento de uma entidade comprometida em apoiar o desenvolvimento dos profissionais de finanças e da economia brasileira.”

 

 

 

Equilibrista 2005 – Edigard Piovezan – Bandag do Brasil

“Não há sombra de dúvidas que ser honrado com a maioria dos votos dos associados do IBEF, por ocasião das eleições para Equilibrista 2005, foi um dos pontos altos de minha vida pessoal e de minha carreira. A premiação foi um “forte oxigênio” em minha carreira profissional pois grande parte da estrutura nacional e estrangeira de minha empresa se fez presente na minha premiação, que me honrou e me projetou na organização, recheando também meu currículo nas redes sociais especializadas, com impactos muito favoráveis.”

 

 

 

Equilibrista 2004 – Francisco Danelon – Cristália Produtos Químicos

“O IBEF é uma instituição de credibilidade nacional junto às organizações em especial na área financeira. Tenho muito orgulho do prêmio. Hoje e sempre, o Troféu Equilibrista representa uma alavanca na vida profissional do premiado, reconhecendo os valores e conquistas do presente e estimulando o futuro. A premiação encoraja o premiado a enfrentar os desafios na construção e desenvolvimento de uma sociedade nova, em busca de um mundo mais humano e feliz.”

 

 

 

Equilibrista 2003 – Luiz Antonio Furlan – Grupo Arcel

“Recebi meu troféu em 2003 e foi uma felicidade enorme por ter conquistado o reconhecimento de meus pares, todos competentes e engajados num mercado de destaque como é o de Campinas e Região. Realmente foi um momento ímpar. A premiação foi importante e sempre será porque incorpora o premiado a um grupo seleto de profissionais, tendo o IBEF como entidade homologadora. O reconhecimento formal de um órgão representativo de sua categoria profissional faz sentir que valeu a pena.”

 

 

Equilibrista 2000 – Marcos de Mello Mattos Haaland – Mogiana Alimentos 

“Foi uma surpresa muito agradável que me trouxe, de imediato, dois pontos positivos: a oportunidade de conhecer melhor o IBEF Campinas, de conviver mais com os associados e de entender o trabalho de grande importância realizado pelo Instituto. O segundo foi poder vivenciar o reconhecimento muito forte que a minha empresa obteve em Campinas e região, ampliando sua visibilidade e lhe dando uma nova conotação junto ao mercado financeiro. Fiquei muito contente e lisonjeado com o Troféu Equilibrista, também importante na minha ascensão profissional, pois garantiu maior visibilidade do trabalho que eu realizava frente a Mogiana Alimentos.”

 

 

Equilibrista 1996 – José Roberto Morato – Eaton

“Foi muito grande a emoção por receber este prêmio, que veio de uma forma idônea, graças aos votos dos associados que me escolheram e que deu visibilidade ao trabalho de toda uma vida. O Troféu Equilibrista fica até hoje na minha mesa. Guardo este troféu de valor intangível e cada vez que olho para ele é como se tivesse aberto uma caixa de boas recordações. O Troféu Equilibrista é motivo de satisfação, de orgulho e de alegria para mim e para minha família.”

Próximos eventos

07/03

Reforma Tributária – A visão das Empresas

26/02

Visita de Relacionamento: Agtech Innovation

Próximos eventos

07/03

Reforma Tributária – A visão das Empresas

26/02

Visita de Relacionamento: Agtech Innovation

WhatsApp chat